conecte-se conosco


Polícia

Padrasto suspeito de estuprar enteada de 11 anos é preso pela Polícia

Publicado

em

Um homem acusado de estupro de vulnerável contra a enteada de 11 anos de idade foi preso na quarta-feira (10) pela Polícia Judiciária Civil de Aripuanã (1.002 km a Noroeste).

A prisão de J.C.R, 42, se deu em cumprimento a mandado de prisão preventiva deferido pelo Judiciário, com parecer do Ministério Público, após representação do delegado da Polícia Civil Alexandre da Silva Nazareth.

O crime ocorreu em 03 de outubro, quando a menina retornou da escola e se preparava para tomar banho quando percebeu que o padrasto havia trancado as portas da casa e veio em direção a ela. Ameaçando a vítima de morte com uma faca, o suspeito a levou a um dos quartos e cometeu os abusos. No dia seguinte, após a saída da mãe da menor para o trabalho, ele praticou os mesmos atos.

Mesmo assustada, a menina conseguiu contar a mãe sobre o ocorrido. A mulher procurou a delegacia e denunciou seu companheiro.

A vítima foi submetida a exame de corpo de delito que constatou lesões recentes em sua genitália.

“O agente valeu-se de sórdido modus operandi para subjugar sua enteada a prática de atos diversos da conjunção carnal, aproveitando-se da relação de confiança estabelecida pelo parentesco, do silêncio da vítima urdido através de ameaças levianas da perda de entes queridos, das ausências imprescindíveis da mãe que trabalha fora de casa, demonstrando, portanto, extremada periculosidade social a ser combatida pela restrição cautelar da liberdade”, explicou o delegado Alexandre da Silva Nazareth em representação pela prisão do suspeito.

Após os procedimentos de praxe na delegacia, o preso foi encaminhado para a Cadeia Pública de Aripuanã, ficando à disposição do Judiciário.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia prende jovem que atuava em roubos em via pública em Várzea Grande

Publicado

em

Um jovem acusado de atuar em roubos em via pública foi preso em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, na quarta-feira (17.10), em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG). Lucas Roberto Oliveira dos Santos,18, foi identificado por uma das vítimas e autuado em flagrante por roubo majorado.

A prisão do suspeito aconteceu após uma vítima de tentativa de roubo procurar a Derf-VG para registrar a ocorrência. Segundo a comunicante, o criminoso a abordou em via pública, exigindo que ela entregasse o aparelho celular e demais pertences. O roubo só não se consumou porque a vítima reagiu, fazendo com que o acusado fugisse.

Ouvida pelos investigadores, a vítima informou que o autor era moreno, alto, e estava com uma camiseta azul, uniforme de uma oficina mecânica. As informações coincidiram com outra investigação em andamento na delegacia, que apontavam Lucas Roberto como um criminoso que agia da mesma maneira e que possuía características pessoais idênticas as repassadas pela vítima.

Com base nos levantamentos, os policiais foram até a oficina mecânica, em que o suspeito trabalhava, realizando sua condução até a Derf-VG, onde após ser interrogado pelo delegado Guilherme de Carvalho Bertoli, foi autuado em flagrante pelo crime de roubo majorado.

“Com base nas informações repassadas por vítimas e alicerçadas em demais elementos levantados durante as investigações, foi possível identificar e realizar a prisão em flagrante do suspeito, que vinha atuando em roubos em via pública há algum tempo”, disse o delegado.

Redação com Assessoria | PJC-MT

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana