conecte-se conosco


Polícia

Padrasto suspeito de estuprar enteada de 11 anos é preso pela Polícia

Publicado

em

Um homem acusado de estupro de vulnerável contra a enteada de 11 anos de idade foi preso na quarta-feira (10) pela Polícia Judiciária Civil de Aripuanã (1.002 km a Noroeste).

A prisão de J.C.R, 42, se deu em cumprimento a mandado de prisão preventiva deferido pelo Judiciário, com parecer do Ministério Público, após representação do delegado da Polícia Civil Alexandre da Silva Nazareth.

O crime ocorreu em 03 de outubro, quando a menina retornou da escola e se preparava para tomar banho quando percebeu que o padrasto havia trancado as portas da casa e veio em direção a ela. Ameaçando a vítima de morte com uma faca, o suspeito a levou a um dos quartos e cometeu os abusos. No dia seguinte, após a saída da mãe da menor para o trabalho, ele praticou os mesmos atos.

Mesmo assustada, a menina conseguiu contar a mãe sobre o ocorrido. A mulher procurou a delegacia e denunciou seu companheiro.

A vítima foi submetida a exame de corpo de delito que constatou lesões recentes em sua genitália.

“O agente valeu-se de sórdido modus operandi para subjugar sua enteada a prática de atos diversos da conjunção carnal, aproveitando-se da relação de confiança estabelecida pelo parentesco, do silêncio da vítima urdido através de ameaças levianas da perda de entes queridos, das ausências imprescindíveis da mãe que trabalha fora de casa, demonstrando, portanto, extremada periculosidade social a ser combatida pela restrição cautelar da liberdade”, explicou o delegado Alexandre da Silva Nazareth em representação pela prisão do suspeito.

Após os procedimentos de praxe na delegacia, o preso foi encaminhado para a Cadeia Pública de Aripuanã, ficando à disposição do Judiciário.

Comentários Facebook

Polícia

Homens que levariam motos roubadas em VG para Bolívia são presos em rodovia

Publicado

em

Durante bloqueio policial na MT 247, na tarde deste sábado (15), na comunidade Boa União próximo a ponte do Córrego do Macaco, em Lambari D’Oeste, os policias deram ordem de parada a dois motociclistas, apenas um obedeceu o outro fugiu,
Maico Marcelo Machado que conduzia uma Honda XRE 300 de cor preta, placa: OAX-0004, com placa de Várzea Grande, após a checagem foi constatado que a numeração do chassis não conferia, então em nova busca, os PM’s constataram que era produto de roubo.

O motociclista que conduzia a Honda Bros 160 de cor preta placa: QBU-6566, também com placa de Várzea Grande, ignorou todas as ordens emanadas para parar, empreendeu fuga e se desequilibrou ao passar em uma ponte, conseguindo escapar do cerco policial pela mata
Em diligências para localizar o segundo suspeito que tinha se escondido na mata, os policias encontram uma ambulância na MT 247 e encontram o fugitivo que estava sendo levado para atendimento médico em posto de saúde.

Questionado sobre o ferimento ele afirmou que havia caído de um cavalo e machucado o braço, porém acabou confessando que fugiu da abordagem policial na estrada. Ele ainda revelou que a moto era roubada e que teria comprado na cidade de Cuiabá por R$ 1 mil e levaria para Bolívia para vende-la.
Diante dos fatos a polícia acompanhou o suspeito Mateus dos Santos Valero até o PSF da cidade de Lambari D’Oeste, onde recebeu o atendimento medico e foi encaminhado para o Hospital Regional de Cáceres, pois estava com várias escoriações pelo corpo e uma fratura na clavícula esquerda proveniente da queda da motocicleta, ficando sob custodia da PM que acompanhou a ambulância para Cáceres ate o termino do flagrante.
A Policia Judiciária Civil de Rio Branco, registrou o boletim de ocorrência e encaminhou o suspeito Maico Marcelo Machado sem lesões corporais junto com as motocicletas para a Delegacia de Polícia de Rio Branco para as devidas providencias cabíveis.

Comentários Facebook
Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana