conecte-se conosco


Várzea Grande

Mulher é presa após aplicar golpe de falsa venda de veículos em VG

Publicado

em

Keytny Karla Arruda Cruz, 25 anos, foi presa na tarde desta terça-feira (06), no bairro Nova Várzea Grande, Condomínio Chapada dos Horizontes, suspeita de aplicar golpes pela internet em vendas de veículos.

Segundo informações, duas pessoas foram vitimas da vendedora na cidade de Macapá.
Policiais militares do Comando Regional II do 4° Batalhão receberam os dados que duas vitimas da cidade de Macapá, teriam sido vitimas de um estelionato envolvendo a venda de um veiculo.
Conforme a policia, as vítimas depositaram cerca de R$20 mil, para uma conta da golpista.
Foi realizado checagem, onde foi conseguido o endereço da suspeita.
A guarnição deslocou até endereço da suspeita que informou que recebeu um deposito na período da manhã , e realizou um saque de R$5 mil e entregou a outro suspeito conhecido como “Natal” e transferiu o restante para mais três contas.
Perguntado sobre estelionato, a suspeita informou que apenas empresta sua conta , recebendo sempre uma quantia que não é a primeira que vez
Diante dos fatos a mesma foi conduzida até a Delegacia sem lesões corporais, para as devidas providencias

Comentários Facebook

Várzea Grande

Vereador Rogerinho é favorável a redução de número de vereadores e do duodécimo para Câmara de Várzea Grande

Publicado

em

O vereador por Várzea Grande, Rogério França Martins, o Rogerinho da Dakar (PV), usou a tribuna durante a sessão ordinária na Câmara Municipal, na manhã da última terça-feira (13), para propor uma emenda ao projeto do vereador Fábio Tardin, o Fabinho (DEM), eleito no mês passado para comandar a Câmara de Vereadores pelo próximo biênio (2019/2020), que visa reduz o número de vereadores da Cidade, de 21 para 17.

Rogerinho explicou que com a redução haverá uma economia considerável, que pode ser devolvida ao município. Segundo o parlamentar o recurso deve ser destinado à Saúde, principalmente para custear mamografias, para isto os vereadores precisam especificar no projeto e aprová-lo.

Martins frisou que hoje o legislativo recebe de duodécimo de 6% do valor total da arrecadação municipal e que a redução do número de vereadores permitirá sobra. Ele sugeriu que a prefeitura faça o repasse de 5% e 1% seja direcionado para a Saúde, um dos setores que mais necessita de recursos.

“Vamos formatar o projeto e já solicitar a redução do repasse no duodécimo e garantir para a Saúde o que restar nos cofres do legislativo, está é minha opinião”.

 

O projeto visa alterar o artigo 16 da Lei Orgânica do Município. Na justificativa, Fabinho explica que a emenda constitucional nº 58/2009, que trata da recomposição das câmaras municipais, impõe como limite máximo de 21 vereadores nos municípios que tiverem mais de 160 mil e até 300 mil habitantes, mas que esse teto não é obrigatório.

“Acredito que 15 vereadores já contemplam a necessidade de nossa Cidade, até porque a lei não estipula obrigando um número X de vereadores”, argumenta.

 

Para o presidente eleito, Fábio Tardin, o gasto com vereadores engessou o orçamento da Casa de Leis, que não tem mais condições de fazer reforma administrativa ou discutir possibilidade de plano de carreira dos servidores.

Ele pede que os colegas votem favorável e atendam ao anseio popular de reduzir os gastos. Destaca ainda a importância da pressão dos cidadãos para que o projeto será aprovado e se diz otimista, apesar de alguns vereadores questionarem a constitucionalidade do projeto.

Fonte: Assessoria

Comentários Facebook
Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana