conecte-se conosco


Política MT

Eleitorado de Mato Grosso reduziu em 4,1% nos últimos 12 meses

Publicado

em

O eleitorado de Mato Grosso sofreu redução de 4,1% nos últimos 12 meses. Dados estatísticos apontam uma redução no número de eleitores inscritos no Estado de 2.263.209 para 2.170.047, entre janeiro de 2018 a janeiro deste ano. O levantamento considera apenas as inscrições em situação regular com a Justiça Eleitoral, não sendo considerados para fins de estatísticas as inscrições canceladas ou suspensas.

Dos 142 municípios mato-grossenses, 109 tiveram aumento na quantidade de eleitores cadastrados e 33 sofreram redução.

No período avaliado, Lucas do Rio Verde apresentou o maior índice de crescimento em seu eleitorado que passou de 39.514 para 43.056. Na sequência está Brasnorte que passou de 10.663 para 11.531 eleitores. Na última colocação, entre os municípios que apresentaram crescimento de eleitorado está Alto Garças, com aumento percentual de 0,1% (de 7.319 para 7.323).

Entre os municípios que sofreram redução no quantitativo de eleitores estão os que passaram pela revisão com cadastro biométrico. Isso ocorreu porque a Justiça Eleitoral cancelou a inscrição eleitoral de todos os eleitores que não atenderam à convocação. Diante desse cenário, Várzea Grande sofreu uma redução de 24% (de 183.968 para 139.843), seguido por Cuiabá, com perca de 24% (de 413.975 para 327.273) e Sinop, que de 93.316 cadastrados passou para 87.810, o que representa um percentual de – 17,6%.

Nos próximos meses os eleitores que estão com o título cancelado devem procurar à Justiça Eleitoral para regularização, fato que irá modificar o quantitativo de eleitores.

 

Fonte: Assessoria TRE-MT

Por Andréa Martins Oliveira

Política MT

Max Russi pede obras emergenciais na MT-100

Publicado

em

O trecho da MT- 100, que liga Barra do Garças e Alto Araguaia, representa um importante corredor de escoamento de pessoas e produtos da região. Problemas de infraestrutura, relatados por quem trafega por essa rodovia estadual, levaram o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, o deputado Max Russi (PSB),  a cobrar providencias urgentes do governo do estado.  A demanda foi apresentada pelo vereador Geralmiro Alves, o Doutor Neto.

Fatores climáticos, que castigam a MT, só tem piorado a situação dessa malha viária em diversas regiões, como o caso de Torixoréu (a 577 km de Cuiabá).  Do município até Pontal do Araguaia são 186 km, sendo que boa parte não possui pavimentação. “Tem uma parte com crateras enormes, que estão praticamente engolindo a estrada”, ilustrou Doutor Neto.

Ele alega ainda que medidas de urgência também são necessárias nas pontes, que não foram concluídas,  próximas a Araguaiana. Conforme relatos, os motoristas precisam desviar por vias alternativas e assim acabam expostos a diversos perigos de acidentes.

Para o deputado Max Russi , tais casos críticos precisam urgentemente de medidas, ao menos paleativas, até que aSecretaria de Estado de Infraestrutura e Logística do Estado de Mato Grosso (Sinfra-MT) retome os trabalhos.

“Essa estrada está com muitos trechos sem asfalto e essa é uma cobrança muito importante, pois a MT-100 ajuda muito no desenvolvimento do Araguaia  e região”, avaliou.

Fonte:José Carlos Marques Pereira Júnior

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana