conecte-se conosco


Cuiabá

Conselheiro acolhe Representação contra empréstimo dolarizado e nega cautelar

Publicado

em

O conselheiro interino do Tribunal de Contas, Moises Maciel, negou medida cautelar pleiteada em Representação de Natureza Externa proposta por alguns vereadores de Cuiabá. No pedido, os vereadores tentavam impedir que o prefeito Emanuel Pinheiro contraísse empréstimo de 115 milhões de dólares para a realização do “Programa 300 Anos”, que prevê uma série de obras de infraestrutura para a Capital. A autorização para o empréstimo bancário dolarizado foi dada pela Lei Municipal nº 6.334/2018.

No Julgamento Singular nº 431/MM/2019, disponibilizado na edição do Diário Oficial de Contas desta sexta-feira (12/04), o conselheiro explica que a autorização do Legislativo, que está sendo questionada pelos vereadores, é apenas um dos requisitos para o início da formalização da contratação de natureza financeira externa, e que não significa que o crédito externo será aprovado.

As observações foram feitas em razão de resultados de uma pesquisa realizada pelo conselheiro, que podem, por si só, resultar na não realização do empréstimo. O primeiro deles se refere à capacidade de endividamento, ou seja, existem limites para contratação de operações de crédito para estados e municípios. Isso significa dizer que entes com baixa capacidade de pagamento podem deixar de obter garantias da União em operações de crédito.

Essa pode ser considerada, por exemplo, a situação de Cuiabá. Quanto à capacidade de pagamento da Capital, o conselheiro verificou, em consulta ao Cadastro de Pagamento (Capag), que o Município está classificado como “C”, nos termos da Portaria do Ministério da Fazenda nº 501/2017, o que traduz que o ente municipal encontra-se com baixa capacidade de pagamento, em outros termos, em situação fiscal fraca, com risco de crédito relevante, conforme definido na Portaria/MF nº 306/2012. “O que deverá ser levado em consideração pelo órgão competente”, acrescentou.

Embora tenha indeferido neste primeiro momento a cautelar, o conselheiro acolheu a Representação e, na decisão, ainda destacou que, caso ocorra qualquer presunção de algum prejuízo ao erário municipal em razão de não ser concedida, de plano, a medida acautelatória postulada, nada impede que a tutela provisória de urgência possa ser adotada em outros momentos do processo.

 

Redação

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

2ª etapa do Hospital Municipal de Cuiabá é entregue nesta segunda com presença do Ministro da Saúde

Publicado

em

Luiz Alves

Como parte das comemorações dos 300 de Cuiabá, o prefeito Emanuel Pinheiro entregará nesta segunda-feira (22), às 15h, a 2ª etapa do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) – Dr. Leony Palma de Carvalho.

A entrega, contará com a presença do ministro de Saúde, Luiz Henrique Mandetta, do senador Wellington Fagundes – que teve fundamental importância no aporte dos R$ 100 milhões (para conclusão da obra e compra de equipamentos) e de demais autoridades federais, estaduais e municipais. A entrega consiste no funcionamento de 90 leitos de enfermaria.

Destes, três leitos, são de estabilização e equipamentos. Eles estão montados com equipamentos de última geração, capazes de atender e estabilizar com supremacia quaisquer intercorrências graves, caso ocorra com algum paciente internado.

Além disso, a etapa contará com farmácias satélites, laboratório e refeitório.

A exemplo da primeira, onde está funcionando a parte ambulatorial do HMC, os pacientes atendidos serão eletivos. Ou seja, a unidade não fará nesta etapa o atendimento chamado ‘Portas Abertas’ e só receberá pacientes exclusivamente regulados pela Central de Regulação de Cuiabá.

Para garantir a segurança total dos pacientes que em sua maioria consistirá em modalidades pós operatórios – a Secretaria de Saúde de Cuiabá está usando um método de classificação diferenciado, capaz de avaliar e garantir a estabilidade dos pacientes encaminhados ao HMC.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana