conecte-se conosco


Polícia

Cinco delegados assumem regionais da Polícia Judiciária Civil

Publicado

em

A Polícia Judiciária Civil empossou cinco novos delegados regionais na tarde desta quinta-feira (07.02). Os novos titulares serão responsáveis pelas delegacias regionais de Cuiabá, Várzea Grande, Sinop, Alta Floresta e Água Boa. A solenidade de posse ocorreu no auditório da Diretoria Geral da PJC, em Cuiabá.

Os regionais foram escolhidos pelo delegado geral da Polícia Judiciária Civil, Mário Dermeval Aravechia de Resende, junto com os diretores, Metropolitano e do Interior, o  delegado geral afirmou que os titulares das regionais estão preparados para assumir a nova função, visto que Mato Grosso é um estado enorme.

“São três mulheres e dois homens todos compromissados com a instituição, que vão continuar o trabalho que vem sendo desenvolvido sem perder o foco”, destacou o Mário Dermeval.

Em parceria com o delegado geral da PJC, o diretor Metropolitano Douglas Turíbio e do Interior Walfrido Franklim do Nascimento, também ajudaram na escolha dos novos delegados regionais. Para os diretores, quando se recebe uma responsabilidade tem que ser feita da melhor forma possível.

O novo delegado regional de Cuiabá, Rodrigo Bastos da Silva, tem como missão coordenar a maior regional que é da Capital. Rodrigo tem como objetivo reestruturar as unidades, buscando reforma de delegacias, além de diminuir os índices de violência.

Delegado há 12 anos, antes de assumir a regional de Cuiabá, Rodrigo era regional de Alta Floresta, onde ficou por quase 5 anos. Ele assume a regional no lugar do delegado Cley Celestino. “É um reconhecimento do trabalho desenvolvido e um desafio de administrar as unidades dessa regional, nesse momento de crise financeira que o estado atravessa. Mas esperamos inovar e melhorar as condições de trabalho dos nossos policiais e a estrutura das nossas unidades”, disse.

Ana Paula de Faria Campos será a nova delegada regional de Várzea Grande. Ana Paula deixa a Delegacia da Mulher, Criança e Idoso do município, onde era titular e trabalhou por cerca de sete anos. Ela ressalta que por já ter trabalhado em Várzea Grande conhece as dificuldades das delegacias e que apesar de contar com um efetivo pequeno, os servidores são comprometidos com a instituição.

O delegado Braúlio Cunha Junqueira tem 18 anos de Polícia Civil e experiência em delegacias do interior, especialmente, na região Norte de Mato Grosso. Foi delegado em Sinop, Peixoto de Azevedo, Guarantã do Norte e, por último estava em Itaúba. Também já atuou em delegacias de Barra do Garças.

A nova delegada regional de Alta Floresta, Ana Paula Reveles, afirmou que tem confiança na atual gestão para melhorar o trabalho na região e que por ser uma região distante e de difícil acesso esse talvez seja o maior desafio a ser enfrentado. Ana Paula já trabalhava em Alta Floresta, lotada na Delegacia Municipal.

Luciana Batista Canaverde, regional de Água Boa, destacou o trabalho do seu antecessor delegado Welber Batista Franco, que foi regional por quase cinco anos. A delegada pretende dar continuidade ao excelente trabalho desenvolvido pelo regional anterior.

“Dar suporte aos delegados da região para intensificar as investigações, principalmente no combate ao tráfico de drogas”, acrescentou.

 

Redação

Polícia

Nove são presos em ‘boca de fumo’ com máscara, cofre e porções de droga

Publicado

em

Em uma ação conjunta entre policiais militares e civis de Colíder prenderam nesta quinta–feira (25) nove suspeitos por tráfico de drogas em uma residência que funcionava como ‘boca de fumo’ no bairro Celídio Marques.

A polícia chegou aos nove suspeitos A.A.L.A, C.S.P (29), L .H.N.S (20), R.P.P, W.A.J.M (21), C.R.F (18), U.F(35) e P.V .C. M., após receber denúncias de que uma casa no bairro estava comercializada drogas.

Ao verificar o local, os policiais constataram que uma grande movimentação de pessoas na residência. Ao perceber a presença da polícia, três dos suspeitos tentaram fugir; pulando o muro da casa, mas acabaram sendo presos. Dois dos homens presos tinham mandado em aberto.

No interior da residência a polícia prendeu mais sete pessoas que faziam uso de entorpecentes. No local foi apreendida uma máscara de caveira, um cofre, três relógios, caixas de som, porções de maconha e cocaína, dentre outros objetos. Todos os suspeitos foram conduzidos à delegacia de flagrantes, suspeito de tráfico de drogas.

Fonte: Assessoria

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana