conecte-se conosco


Interior

Câmara de Cáceres aprova 3 leis em benefício dos autistas

Publicado

em

Na sessão ordinária do dia 03.12, data em que se comemora o dia Mundial da Pessoa com Deficiência, a Câmara Municipal de Cáceres, 220 Km de Cuiabá, aprova 3 projetos do vereador Cézare Pastorello – SD, em benefício das pessoas com TEA – Transtorno do Espectro Autista.
“Não são apenas as pessoas com algum tipo de deficiência, sensorial, motora ou cognitiva, que necessitam de atenção especial. São, principalmente, as famílias. Isso porque o amor familiar faz com que toda uma família mude seus hábitos, modo de viver e até projetos por conta de um membro que necessite de cuidados especiais. No caso do autismo, essa dificuldade é ainda agigantada pelo desconhecimento da população em geral. Pais de crianças autistas sofrem em filas de espera e ainda têm seus filhos chamados de malcriados ou mal-educados. Então, devemos trabalhar a garantia de direitos e conscientização sobre a TEA”, afirma o vereador Cézare Pastorello, autor dos projetos.
“Só quem tem um autista na família sabe o tamanho do sofrimento. E o que mais dói é o desconhecimento das pessoas, que não sabem identificar uma criança autista. Parabéns vereador pelo projeto, tenho um neto autista e sei o quanto isso pode beneficiar as famílias,” desabafa a vereadora Elza Basto-PSD.
Os projetos foram aprovados por unanimidade, sendo um que garante o atendimento prioritário para autistas e seus acompanhantes, devidamente identificado com o símbolo mundial do TEA, outro que inclui no calendário oficial de atividades do Município o Dia do Orgulho Autista (02/04) e ainda a inclusão do dia e da semana da conscientização sobre o TEA, data estabelecida pela ONU para a realização de ações de integração e diagnóstico do Transtorno do Espectro Autista.
“Depois da lei 12.764/2012, alguns direitos dos portadores de TEA ficaram garantidos pela lei federal. Mas, é nos municípios que se realiza a atenção básica, a educação e o efetivo cumprimento dessas garantias de direitos. Então, as datas aprovadas não são meras “comemorações”, mas, a certeza de que o assunto passará anualmente pela pauta da administração municipal. O portador de TEA é pessoa com deficiência para todos os efeitos legais, e a maioria das famílias não conhece os benefícios que pode buscar. Como agentes públicos, nosso dever é também garantir esse acesso!”, finaliza o vereador Pastorello.
Redação

Interior

Homem é preso por estupro de vulnerável após fugir com menor de 13 anos pra zona rural

Publicado

em

Um homem que estava mantendo um relacionamento amoroso com uma adolescente, de 13 anos, foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de terça-feira (20.08), na zona rural do município de São Félix do Araguaia (1.200 km a Nordeste), após a vítima fugir de casa para ir morar com o suspeito.

A ação da Delegacia de Porto Alegre do Norte (1.125 km a Nordeste) resultou na autuação em flagrante do suspeito, R.B., 23 anos, por estupro de vulnerável.

As diligências iniciaram após a mãe da adolescente procurar a Polícia Civil de Porto Alegre do Norte, no dia 18 de agosto, informando que sua filha, de 13 anos, estava namorando um homem, de 23, sem seu consentimento. Segundo a comunicante, ela por diversas vezes, insistiu para que a filha terminasse o “namoro”, porém sem sucesso.

No sábado (16), o jovem apareceu na residência para buscar a menina para ir morar com ele na fazenda em que trabalhava, na região do distrito de Espigão do Leste, município de São Félix do Araguaia. A mãe tentou impedir que a filha deixasse a casa, porém a menor disse estar apaixonada pelo suspeito e que iria embora com ele.

Diante dos fatos, os policiais civis de Porto Alegre do Norte iniciaram diligências ininterruptas com objetivo de localizar o casal. Na tarde de terça-feira (20), a equipe logrou êxito em abordar o suspeito e a vítma em uma propriedade rural no distrito de Espigão do Leste.

Na ocasião, o suspeito, R.B. de 23 anos e a adolescente, L.F.B. de 13 anos, foram encaminhados até a Delegacia de Polícia de Porto Alegre do Norte. Após ouvir a menor e interrogar o suspeito, a delegada Carla Evangelista Linderberg Nogueira, lavrou o flagrante pelo crime de estupro de vulnerável.

 

Redação

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana