conecte-se conosco



Política MT

ALMT cobra do Estado informações de gastos de R$ 571 mil com bafômetros

Publicado

em

A Assembleia Legislativa aprovou em sessão ordinária realizada no dia 26 de novembro, o Requerimento nº 766/2019, de autoria do deputado estadual Wilson Santos (PSDB), que exige do governo do estado informações a respeito dos gastos feitos para manutenção dos bafômetros utilizados pelo Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

O valor é de R$ 571.645,44 (Quinhentos e setenta e um mil, seiscentos e quarenta e cinco reais e quarenta e quatro centavos).

No total, são 15 questionamentos que deverão ser respondidos pelo poder Executivo. No rol, constam informações a respeito dos valores gastos para a compra de etilômetros bem como a calibragem, certificação e manutenção dos equipamentos e as quantidades utilizadas.

O governo do estado ainda deverá informar os motivos da dispensa de licitação e a razão pela qual foi dispensada a estrutura do IPEM (Instituto de Pesos e Medidas) para averiguação da qualidade dos bafômetros.

“O Legislativo está cumprindo seu papel de fiscalizar. Não se trata de pré-julgamento, mas de uma necessidade de esclarecimento a respeito da utilização do dinheiro público”, explica o deputado Wilson Santos.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política MT

Rogerinho discute com diretor da Politec, estratégias para implantação do IML em VG

Publicado

em

O vereador França Martins, o Rogerinho (PV), visitou na última semana a sede da Perícia Oficial e Identificação Técnica (POLITEC), na capital e apresentou ao diretor do órgão em Mato Grosso, Rubens Sadao Okada, a emenda aditiva 110/2019, de sua autoria, no valor de R$ 3 milhões na Lei Orçamentária Anual (LOA/2020), para construção do Instituto Médico Legal (IML) em Várzea Grande.

Rogerinho adiantou que propôs a implantação do IML, na região do Chapéu do Sol, área que cresce e se desenvolve a cada dia. Segundo o parlamentar, o ponto seria estratégico, pela excelente localização, próximo a Rodovia Mário Andreazza, que liga Cuiabá ao Trevo do Lagarto, no trecho de entrada de vários municípios, como Poconé, Livramento, Jangada, Rosário Oeste.

Além do diretor, o vereador conversou com Emivan Batista de Oliveira, Diretor Metropolitano de Criminalistica, Thaissa Ribeiro Cerqueira,  Gerente de computação, Ailton Silva Machado , Diretor Metropolitano de Identificação Técnica, Alessandra Paiva Puertas,  Diretora Metropolitana de Laboratório Forense, Melquiades José da Silva,  Gerente de Necropsia.

 

O próximo passo é buscar junto ao Executivo Municipal a doação de um terreno e agendar uma audiência com o governador Mauro Mendes, para que contrate servidores que possam atender a demanda da unidade em Várzea Grande.

“Fiz questão de conhecer de perto o funcionamento do IML, conversar com os servidores, visitar as instalações”, frisou.

França disse que o diretor Geral da Politec, Rubens Sadao Okada, aprovou a proposta e relatou que a abertura de uma nova sede ao lado da capital, desafogaria o atendimento diminuindo consideravelmente a demora na liberação de corpos, uma das grandes reclamações da sociedade, que muitas vezes espera por mais de 18 horas.

O parlamentar justificou que Várzea Grande se aproxima de 300 mil habitantes e ainda depende de Cuiabá para atender todos os óbitos que ocorrem no município, bem como outros serviços, como exame de lesão corporal, constatação de violência sexual, odontologia legal e insanidade mental.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana