conecte-se conosco


Interior

Adolescente é morta a tiros pelo ex após ser expulsa de festa

Publicado

em

Kendra Rayane de Carvalho foi morta em Mirassol D'Oeste — Foto: Arquivo pessoal

Uma adolescente foi assassinada a tiros na madrugada deste sábado (13) em Mirassol D’Oeste, a 329 km de Cuiabá. De acordo com informações da Polícia Militar e da Polícia Civil, Kendra Rayane de Carvalho, de 17 anos, foi morta em casa.

Um amigo dela, Halif Thiago dos Santos, de 25 anos, também foi baleado. O principal suspeito do crime é o ex-marido da vítima. Ele foi identificado apenas como Ronaldo.

Segundo a polícia, Kendra foi para uma festa em um pub na companhia de amigos. Ronaldo teria chamado o segurança e denunciado que Kendra, que é menor de idade, estava na festa e pediu que ele a retirasse do local.

Kendra foi expulsa da festa e, acompanhada do amigo, foi para casa, no Bairro Jardim das Oliveiras.

A mãe da vítima contou à polícia que Ronaldo enviou várias mensagens para Kendra dizendo que iria matá-la.

De acordo com testemunhas, Ronaldo atirou quatro vezes contra as vítimas no momento em que o amigo deixava a adolescente em casa.

Três tiros acertaram Kendra e um tiro atingiu o tórax de Halif. A polícia foi chamada e encontrou a adolescente já sem vida. Halif foi levado por uma ambulância ao hospital da cidade e, posteriormente, encaminhado ao Hospital Regional de Cáceres, a 220 km de Cuiabá.

Ronaldo fugiu e não foi encontrado. A polícia fez rondas, mas ele não foi preso. O suspeito já tem antecedentes criminais pelos crimes de lesão corporal e uso de droga.

Familiares e amigos lamentaram a morte da adolescente e pediram justiça em mensagens nas redes sociais. Ela deixa um filho pequeno.

Fonte G1

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Interior

Motorista bate caminhonete em poste e morre

Publicado

em

Um grave acidente de trânsito registrado na noite desta sexta-feira, dia 19, tirou a vida de um homem de 47 anos na cidade de Juruena, no Mato Grosso. O acidente aconteceu na Avenida 4 de julho próximo ao cartório.

O Soldado PM disse que realizava patrulhamento quando se deparou com um aglomerado de pessoas e viu uma Toyota Hilux CS 4×4, NUF 0508, de cor prata, capotada devido a batida violenta contra um poste de iluminação pública.

“Quando chegamos no local a vítima ainda estava dentro da caminhonete, os faróis e a ignição estavam ligados fizemos o procedimento de desligar o veículo devido ao risco com os líquidos inflamáveis porque havia muita fumaça. Foi quebrado o vidro e feito a retirada da vítima que estava caída sobre sua cabeça, ela ficou deitada no asfalto até a chegada do SAMU” – contou o policial.

O condutor, José Maximiano da Silva, 47, foi levado para o hospital pelos profissionais do SAMU, mas devido a gravidade do acidente ele não resistiu e veio a óbito.

A vítima é irmão do vereador, Antônio Maximiano da Silva, ele não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

As causas deste acidente ainda são desconhecidas, mas a alta velocidade não está descartada.

O veículo trafegava sentido bairro – centro quando aconteceu o acidente.

O caso foi levado para à delegacia de polícia.

Fonte: juina news

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana